BlogUncategorized

Como “parar, refletir, discernir e decidir”

By September 17, 2015 March 21st, 2019 No Comments

Na leitura dos Evangelhos, podemos facilmente perder pontos de “pausa” de Jesus ao longo do caminho. Estes são os tempos que ele tomou para refletir e recalibrar. Ao fazer isso, ele foi capaz de, em seguida, seguir em frente com confiança e coragem.
Alguns exemplos de Jesus tendo estes “pontos de pausa” do livro de Marcos incluem: Marcos 1:35, 4:10, 4:35, 6:31, 6:45.
Em Lucas 5:16 ele mesmo afirma: “Mas Jesus se retirava para o deserto para orar”.
Se Jesus fez isso muitas vezes, quanto mais importante isso é para nós?

 

Como parar, refletir, discernir e decidir?
Como já passamos do meio do ano, tenha um tempo de “ponto de pausa” usando nossa ferramenta do Cinco Capitais de planejamento de meio ano: Parar, reflitir, discernir e decidir. Reflita sobre estas perguntas:

Parar
Você se retira regularmente para:
Discernir onde você está?
O que Deus está fazendo?
Como Ele está chamando você para continuar?

Refletir
Mergulhe mais fundo e pergunte a si mesmo:
Quais são as grandes coisas que Deus fez nos primeiros 6 meses do ano?
Quem tem sido mais benéfico ou impactante dentre suas amizades?
Onde Deus tem trabalhado mais?
Como Deus tem mudado e transformado você?
À luz das suas respostas, agora use as seguintes perguntas para recalibrar seus objetivos e prioridades para o resto do ano:

Discernir
Use essas perguntas para recalibrar:
Onde a graça está atuando diante de mim? Em minha vida pessoal? Em minha família? Profissionalmente?
O que eu sinto que estou sendo chamado a “Seguir em frente” ou “Parar” nesta próxima temporada?
Quem são as pessoas que eu quero ter comigo nessa jornada e ficar ligado a elas? Há pessoas que eu quero chegar mais perto? Ou há necessidade de me distanciar de algumas?

Decidir
Considere estas perguntas enquanto você toma os próximos passos:
O que eu vou: Maximizar? Minimizar? Mover-me para? Afastar-me de?
Como faço para começar?
Há próximos passos claros?

 

Como seguidores de Jesus, somos chamados a viver como ele. Quando tomamos tempo para parar, refletir, discernir e decidir, podemos seguir em frente com coragem e confiança, assim como Jesus fez.